GUARDA COMPARTILHADA

Dentre as modalidades de guarda, a compartilhada é a mais adequada para o desenvolvimento saudável da criança!

Na guarda compartilhada, apesar de ter uma casa fixa, o menor pode transitar livremente entre a casa de seu pai e de sua mãe, sempre dentro das possibilidades de ambos e da criança.

Essa modalidade permite também que os pais acompanhem e participem mais de perto de todos os aspectos que envolvem o desenvolvimento dos filhos: o psíquico, o físico e o mental. Por exemplo, os pais podem participar das reuniões promovidas pela escola, entrevistas com profissionais como psicólogos, fonoaudiólogos ou dentistas.

É importante que nas duas casas, a criança tenha um quarto que possa chamar de seu. Decoração, pertences e tudo o que possa deixa-lo mais á vontade. Faça o possível para que ela se sinta em casa nas DUAS casas.